segunda-feira, 12 de março de 2018

Vale das Videiras x Anápolis

Com direito à chuva no meio do caminho, mas nada atrapalhou:

Foto em nosso ponto de sempre rsrsrs - Foto: Roberto Bessa

     Essa semana trago para vocês novamente essa caminhada que particularmente gosto muito de fazer, e dessa vez até que não pegamos muito calor igual das outras, ainda teve uma chuvinha pra dar um bom refresco (rsrsrs). O céu estava com bastante nuvens e se abria vez ou outra, mas nem por isso perdi as fotos que eu queria, aliás, as nuvens foram um charme à parte.
Vale das Videiras - Foto: Roberto Bessa

Muita abobora mesmo - Foto: Roberto Bessa

Iracema e Sr Roberto - Foto: Roberto Bessa

     O ônibus acabou atrasando um pouco e começamos à caminhar uma pouco mais tarde do que de costume, mas como estava agradável a temperatura a caminhada rendeu bem. Nosso primeiro ponto de parada foi na casinha que fica próxima à ponte que vai para Sardoal. Fizemos um lanchinho rápido, nos hidratamos e seguimos.
Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Casinha vista da Estrada para Sardoal - Foto: Roberto Bessa

     Uma coisa que nunca reparamos quando fizemos das outras vezes é que pelo percurso da estradinha tem bastante milho de grilo (que viciei por ser docinho suave rsrsrs), também colhi umas pimentas pelo caminho, que é realmente uma delicia! Não podemos esquecer das goiabas que essa época do ano estão com os pés carregadinhos.
Milho de Grilo - Foto: Roberto Bessa

     Antes de chegar em Sardoal, descobrimos um local bem legal pra acampar, mas isso vai ser assunto bem mais para frente ok, vale sempre a pena explorar, isso é fato. Até que nossa caminhada rendeu bastante e acho que por conta de não estar tão quente mesmo.
Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

     Chegando em Sardoal ficamos naquele ponto de sempre, na quadra de malha, para fazer nosso lanche mais reforçado e descansar um pouco também. Nossa parada levou em torno de uns 30 minutos ou um pouco mais, porém nos abastecemos e hidratamos a partimos já bem descansados.
Lago com Taboa - Foto: Roberto Bessa

Chegando à Sardoal - Foto: Roberto Bessa

Campo de Sardoal - Foto: Roberto Bessa

     Saindo de Sardoal pegamos uma chuvinha bem de leve que logo em seguida apertou um pouco porém nada de extraordinário e nem durou muito o período de chuva, tanto que deu para segurar sem precisar abrir o guarda chuva.
Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

     Paramos novamente na barragem que também serve como um bom ponto de apoio para acampamento, logo em seguida passamos a ponte que vai para Avelar e ai logo mais a frente estava a ruína que marca a bifurcação que vamos pegar para entrar na Estrada do Rio Acima. Desse ponto a gente já pode perceber que está próximo do fim!
Estradinha, reparem na chuva próximo à Maria Comprida
Foto: Roberto Bessa

Ruína - Foto: Roberto Bessa

Ruína - Foto: Roberto Bessa

     Quando vamos chegando na ruína da antiga cede de fazenda (aquela que serviu de ponto de apoio pra gente da última vez, clique aqui) vamos tendo a certeza que falta pouco. Bem mais a frente vem o pesque e pague e quando chega na igrejinha, pronto, já é a reta final.
Ruína - Foto: Roberto Bessa

Ruína da fazenda, posteriormente armazém - Foto: Roberto Bessa

Atenção com esses cachorros - Foto: Roberto Bessa

     Passando da entrada da estrada que vai para Sebollas / Inconfidência fica faltando em torno de uns 20 minutos. A chegada em Anápolis fica por conta do caramanchão que marca o final da caminhada. Alí é o ponto final do Fagundes (707), basta pegar ele e seguir para o terminal Itaipava.
Casinha no final da caminhada - Foto: Roberto Bessa
Ponto final do ônibus - Foto: Roberto Bessa

Ponto final do ônibus - Foto: Roberto Bessa

     Sou suspeito a falar dessa caminhada, das rurais essa e a de Sebollas são as minhas preferidas, e sempre que faço observo coisas novas, fotos novas surgem e sempre me surpreendo com alguma coisa. Então vale a pena fazer? Claro que vale! Se você já fez, faça de novo, se não fez, faça! Você vai gostar com certeza! Espero que tenham gostado, até a próxima semana!

Clique aqui e baixe o Wikiloc dessa trilha!

Visite:

Visite nossa página no Facebook

Venha passear conosco! Entre em contato!